Catarina

CatarinaLivro

Bem, este é um post que era para não ter nascido. Pensei em nem o escrever. A Catarina é minha amiga, é mais do que isso, e, naturalmente, é muito fácil elogiar. E só isso podia fazê-lo pessoalmente. Mas ontem li, de uma assentada, o seu livro Dieta das Princesas e faço questão de dar as minhas impressões.

Pode parecer pouco, um livro sobre dietas – mais um -, mas a verdade é que a Catarina tem um talento enorme. Além de escrever bem, escreve muito bem sobre sentimentos. E isso é que faz a diferença. Ela tem uma capacidade incrível de extrair o que de mais íntimo existe em qualquer pessoa, explicar tudo como se fosse simples e natural, e assim torná-lo belo. É por isso que este não é só um livro sobre dietas. E eu sei que este talento não se vai perder, porque, ainda sem saber muito bem como, a Catarina vai escrever outro livro. ❤

Dieta das Princesas

E agora uma coisa verdadeiramente especial. A Catarina vai lançar o seu segundo livro. Chama-se Dieta das Princesas e conta um pouco como foram estes últimos meses na sua vida. A experiência será partilhada, inspirará seguramente muitas pessoas, mas para mim o que mais interessa é a dedicação e talento que a Catarina meteu neste livro. Ela escreve sobre a dieta e as corridas com a mesma doçura com que escrevia, antes, sobre Nutella e pão com manteiga. É ela que é verdadeiramente inspiradora. E eu sei que a seguir a este livro – o segundo – virá outro. Adoro-te Mana!

Livro

Agradecer

Sobre este exercício d’ O Melhor do meu Dia, quero dizer uma coisa.
Isto [já somos mais de 200] não é um exercício tonto de pessoas tontas que esquecem que o mundo lá fora dos blogs é tudo menos cor-de-rosa.
Isto é um agradecimento, um reconhecimento de que os momentos maus existem e não são esquecidos, quanto mais não seja para poder agradecer o que a vida tem de bom.
A gratidão é vista, nos dias que correm, com muito preconceito, porque se associa o agradecimento a uma atitude subserviente ou bajuladora.
Eu, hoje, e desculpem-me a piroseira, agradeço as pequenas grandes coisas desta minha gigante vida ❤

melhor_do_meu_dia_on

A propósito, o melhor do meu dia, foi a ronha desta manhã.

O melhor do meu dia…

melhor_do_meu_dia_on

… foi o tempo que passámos entretidos a cozinhar o jantar.
Batata doce, grão e castanhas. Só coisas boas. Os meus finais de dia costumam ser uma bela parte dos meus dias.

jantar

Também foi muito bom o início do Natal no bairro.

natal

A Catarina inventou este movimento e já somos muitos.
Gosto muito deste olhar, doce ainda melhor, sobre todos os dias das nossas vidas ❤

Bolo

A vida juntou-nos num momento especial das nossas vidas. Estávamos as duas desempregadas. Decidimos aproveitar estes meses – quase um ano. Mentiria se dissesse que a angústia nunca apareceu, mas quase nem dei por ela, ou então, já a esqueci. Foi quase uma festa. A minha vida mudou, eu mudei, I become a better person (não sei como dizer isto em português sem me sentir ridícula). E hoje, estamos juntas para sempre, partilhamos muitas coisas, até o prazer de comer bolo com um copo de leite.

Entendes-me?
Esquecia-me de dizer que, alguns anos antes, na redação, eras tu que sossegavas ao telefone a minha filha, então com cinco anos, enquanto eu fechava textos…

Bolo Not with Salt

Fotografia daqui

Emoções

CasamentoPulos

Fotografia de Pedro Azevedo

Ainda sobre o casamento, a lua-de-mel e tudo isto, uma sensação meio estúpida, entre a vontade ilimitada de partilhar a felicidade e o embaraço de vos poder saturar. Nesta enxurrada de lugares-comuns, a certeza de que um dia é manifestamente insuficiente. Os ciganos é que a sabem toda.

Eu sabia que devia ter escrito os votos, e não bastou ter pensado em cada um de vocês, devia ter tirado notas, porque depois, no meio daquela emoção toda, não disse tudo o que sentia. Mas há uma coisa que me conforta, abracei-vos a todos do fundo do coração.

Entretanto, o meu mundo continua por aí a emocionar-me. A minha mana-madrinha Catarina, que escreveu sobre o casamento, aqui, publicou o seu primeiro livro. Parece light, mas não é. Como disse o Paulo Farinha no lançamento, trata-se de escrever muito bem sobre emoções.

Lancamento Livro  (3)

LançamentoCat

E podem seguir-me aqui no Facebook

Sábado com o chef

Quando dei por mim já estava na cozinha de um chef, que preparava para nós creme de cenoura e alho francês, risotto de cogumelos e pão de ló.
Eu fui só fotografar (tentar…) a nova parceria entre Dias de uma Princesa e The Portuguese Foodie, mas também provei e posso confirmar que estava tudo uma delícia. Já para não falar que o Miguel é mesmo muito querido, diz que vai cozinhar para nós muuuitas mais vezes.
Antes de invadirmos a casa do chef, fomos ao mercado de Benfica, que desconhecia e adorei -, para a semana estou lá caída.
Aprendi algumas coisas, a receita do pão de ló (fácil, fácil!), como fazer um risotto e, maravilha das maravilhas, percebi que, afinal, não tenho que descascar as cenouras para a sopa, vai com casca e tudo, que fica saboroso na mesma!

Seguem algumas fotos de um sábado muito bom ❤

Mercado8

Catarina e Miguel prontos a entrar em ação. Depois podem ver tudo no blog da Princesa.

IMG_3076

O mercado de Benfica é mesmo muito bom (desta vez, comprei só morangos e abóbora)

Mercado4

Bolo3

O pão de ló, afinal, é mesmo muito simples. Ovos, açucar e farinha e mais nada!

Bolo4

Casa1

Risotto3

E afinal fazer risotto é mesmo com arroz carolino.